Coronavírus: 1º dia do retorno da Feira Hippie tem movimentação tranquila no Centro de Campinas

Medidas adotadas contra a disseminação da Covid-19 incluem o distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as barracas, disponibilização de álcool em gel e uso de máscara pelos comerciantes.

Coronavírus: Feira Hippie retoma atividades sob novas normas sanitárias em Campinas Com movimento tranquilo durante a manhã, Feira Hippie do Centro de Convivência, em Campinas (SP), retomou o funcionamento sob novas normas sanitárias neste sábado (1°).

Entre as medidas estabelecidas para o evento estão o uso de máscaras e luvas por comerciantes e a proibição do consumo de alimentos no local. No primeiro dia de reabertura do evento, a EPTV, afiliada da TV Globo, não encontrou aglomerações.

No local, tanto os consumidores quanto os feirantes respeitaram a obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção. "[A reabertura] está sendo muito boa, né? Todo mundo com consciência, todos usando máscaras, álcool em gel em todas as barracas.

Tá sendo bem positivo", avalia o chef de cozinha Roberto Padilha, um dos frequentadores da feira. Novas regras A feira, que funciona das 10h às 14h, havia sido suspensa desde o dia 21 de março, quando a cidade decretou estado de calamidade e estabeleceu as regras da quarentena.

Para a retomada, o número de comerciantes permitidos no evento passou de 350 para 200. "Foi uma decisão não só dos expositores, mas também para a própria segurança dos feirantes e dos consumidores", conta o organizador da feira, Mário Melo.

Além disso, os comerciantes fizeram um curso online para obter a certificação de estabelecimento responsável. As medidas sanitárias estabelecidas para o evento incluem: Distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as barracas; Disponibilização de álcool em gel nas barracas; Uso de máscara de proteção e luvas por comerciantes; Proibição do consumo de alimentos no local. "Todo cliente que chegar em sua banca, antes de pegar em qualquer mercadoria, é passado o álcool em gel na mão dele.

A questão da máscara e de outros cuidados é de responsabilidade do feirante", explica Mário.

Feira retornou às atividades neste sábado (1°), após cerca de quatro meses de suspensão Reprodução/EPTV Formas erradas e corretas de usar máscara de proteção contra o coronavírus Arte/G1 Coronavírus: como espirrar ou tossir de máscara? Coronavírus: Como espirrar ou tossir com a máscara? Initial plugin text Veja mais notícias da região no G1 Campinas.

Categoria:SP - Campinas e região